18 de junho de 2008

Para os ventos de maio e as borboletas de junho

o amor e a borboleta - Bouguereau - 1888





E quando ele me olha e eu fecho os olhos.
É quando ele me vê e eu vôo em paz.

2 comentários:

Maria Anum disse...

lindo lindo !!

lais disse...

ardo-orei! um gozo borboletográfico...